quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Estantes, mesas e camas feitas de paletes

Estantes, mesas e camas feitas de paletes
Você já pensou em reutilizar estes estrados de madeira? Então, anime-se com esta idéia.
Foto 2

Comum em caixotes de feira, o pínus já foi visto como de segunda linha. Mas, aplicado com uma técnica adequada, sustenta até casas, como em boa parte das construções na Flórida, EUA.

Seta de Navegação

Estrados de madeira para transportar cargas podem ter uma aplicação interessante na decoração. Essa é a aposta da designer Mariana Foltran, que transforma os paletes em estantes, mesas e camas. “Eles são feitos de pínus ou eucalipto, madeiras de reflorestamento, e são uma opção mais sustentável”, diz ela, que também aplica detalhes de tecidos estampados como acabamento. A matéria-prima vem dos 6,1 milhões de hectares de florestas plantadas no Brasil com essas espécies. Os preços variam conforme o tamanho do módulo, de 52 reais (45 x 45 cm) a 84 reais (1,40 m x 65 cm).

Fonte: http://casa.abril.com.br/planeta-casa


terça-feira, 30 de novembro de 2010

Novo Link para o Relatório de AC


Pessoal,

diante das dificuldades apresentadas, postei o relatório em outro HD Virtual e portanto num novo link, embora o anterior esteja funcionando normalmente...


ATENÇÃO: por este motivo estarei recebendo os relatórios até sexta-feira (03 de novembro).
.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Como a arte se relaciona com o espaço público?

Árvores levitantes...

"Vídeo-teaser de "Errante", primeira obra do Margem, projeto realizado pelo Itaú Cultural que incentiva obras que dialogam com rios importantes da bacia hidrográfica brasileira, com o objetivo de trabalhar temas decisivos como urbanismo, meio ambiente e marginalização social. (saiba mais sobre o projet: http://www.itaucultural.org.br/index...."



Projeto Margem - Errante - Teaser

Itaú Cultural

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Soluções Ecológicas


Madeira Plástica Wisewood

O que é madeira plástica?

Madeira plástica, um material semelhante à madeira, porém com diversas vantagens. A madeira plástica é uma mistura dos mais diversos plásticos (PEAD, PEBD, PP, PS) e fibras naturais. Visualmente a madeira plástica é idêntica à madeira convencional, porém tecnicamente existem muitas vantagens, como alta durabilidade, menores custos com manutenções e pode ser reciclado. O melhor de tudo isso é que esta madeira é feita através de materiais recicláveis, evita que plásticos sejam acumulados em Lixões e Aterros. Além disso, contribui de forma direta para com nossas florestas.

Preservar o meio ambiente é o nosso negócio

Os primeiros ensaios tecnológicos visando à utilização do plástico reciclável em perfis para substituir a madeira natural aconteceram nos EUA na década de noventa. Esses materiais foram denominados madeira plástica reciclada (RPL), oriunda do inglês (recycled plastic lumber).

A Madeira Plástica é um produto composto de matéria-prima totalmente proveniente do lixo plástico reciclado, além de não conter nenhuma substância tóxica, das encontradas na madeira tratada, é ecologicamente correta por duas vezes: evita o desmatamento e pode ser novamente reciclada. A madeira plástica é um produto moderno resultado de uma alta tecnologia industrial e totalmente sustentável.

No setor madeiras e mobiliário a Wisewood desenvolvem processos de fabricação de placas multicamadas com interior de baixa densidade e termo formados que revolucionam a indústria do mobiliário em custos, qualidade e tecnologia, representando ainda um ganho de produtividade de 55% sobre os processos atuais utilizado com a madeira natural.

Onde Aplicar?

  • Decks e piers;
  • Revestimentos;
  • Mobiliário interno e externo;
  • Pergolados, gazebos e caxepós para paisagistas.

Específicações Técnicas

  • Composição:
    • Polímeros reciclados (principalmente PP e PE);
  • Comercialização:
    • Em forma de perfis de 100x25mm, 90x90mm e 100x8mm;
  • Cores:
    • Eucalipto, Amendoim, Champanhe, Pau Brasil, Maçaranduba, Tabaco e Ébano;
  • Características sensoriais:
    • Fosco, opaco, poroso (textura similar à de madeira);
  • Características técnicas:
    • Impermeável e imune a pragas. Alta durabilidade (50 anos). Resistência à intempéries (maresia, sol e chuva);
  • Processabilidade:
    • Podem ser trabalhadas com as ferramentas que são utilizadas em marcenarias. Pode ser cortada, serrada (bancada ou disco), pregada, aparafusada e fixada com encaixe e cola.

Sustentabilidade nos Negócios. Atualize-se com os especialistas






 

Itaú vai distribuir 8 milhões de livros infantis. Peça os seus!


Itaú vai distribuir 8 milhões de livros infantis. Peça os seus!

Posted: 21 Oct 2010 10:13 AM PDT

itau [Notícias] Itaú vai distribuir 8 milhões de livros infantis. Peça os seus!

Todos os anos, junto com a Fundação Itaú social, o Itaú busca reforçar a importância do Estatuto da Criança e do Adolescente através de ações voltadas à educação. Neste ano, a ação convida toda a sociedade a contribuir para o desenvolvimento dessas crianças através de um gesto simples: a leitura para crianças de até 6 anos. Para isso, o banco vai distribuir gratuitamente 8 milhões de livros.

A coleção Itaú de Livros infantis é feita de quatro volumes, para você ler e reler com seus filhos, sobrinhos, netos ou alunos. Você assume o compromisso de ler um livro para uma criança e de repassar esse livro para outra pessoa fazer o mesmo.

Acesse o site e faça seu pedido. É só preencher o cadastro e recebê-los na sua casa, em qualquer lugar do Brasil.



 

 

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

INOX na Arquitetura

O que é o Aço Inox

Inox é o termo empregado para identificar uma família de aços contendo no mínimo 11% de cromo, elemento químico que garante ao material elevada resistência à corrosão.

Os aços inoxidáveis são resistentes à corrosão devido ao fenômeno da passividade. Os elementos de liga presentes nos aços inoxidáveis reagem com muita facilidade com o meio ambiente e um deles em particular, o cromo, ajuda a formar um filme fino e aderente que protege o material de subseqüentes ataques corrosivos.

Este filme é conhecido como filme passivo. O filme passivo dos aços inoxidáveis resulta da reação entre o material e a água, sempre presente no meio ambiente (a umidade do ar condensa sobre a superfície fria do metal). O produto dessa reação é um oxi-hidróxido de cromo e ferro, sendo que na região mais próxima da superfície metálica predomina um óxido e na região mais próxima ao meio ambiente predomina um hidróxido. Com o decorrer do tempo a camada de óxido aumenta, não acontecendo o mesmo com a de hidróxido e, aparentemente, existe um enriquecimento do filme passivo.




O Aço Inox na Arquitetura

Os aços inoxidáveis são selecionados para aplicação na arquitetura, assim como para outras aplicações, pela sua resistência à corrosão. Esta é a primeira consideração no processo de seleção.
Fatores ambientais como temperatura e umidade precisam ser consideradas, mas a localização do projeto deve ser considerada em primeiro lugar.
As localizações podem ser classificadas como:

RURAL – áreas não poluídas, situadas no interior e afastadas de atmosferas e resíduos industrias.

URBANA – áreas residenciais, comerciais ou áreas com industrias leves com poluição não agressiva do ar.

INDUSTRIAL – são caracterizadas pela poluição do ar, através da presença de dióxido de enxofre ou gases liberados por industrias químicas, que podem formar ácidos condensados potencialmente perigosos.

LITORÂNEA – áreas com presença de spray marítimo ou bruma. Estes contêm cloretos que podem condensar quando a umidade da superfície evapora.

O meio ambiente não pode ser definido precisamente com os termos acima indicados e também é importante levar em conta que mudanças ambientais poderão ocorrer durante o período de vida do projeto, isto é, o ambiente poderá se tornar mais poluído ou mais limpo.

Adicionalmente micro-climas podem influenciar a categorização geral e devem ser pesquisados antes de selecionar o tipo de aço inoxidável a ser empregado. Micro-climas podem existir em regiões costeiras ou perto de plantas químicas, onde ácidos condensados podem se formar inesperadamente.

De forma geral o aço 304 pode ser utilizado na maioria das áreas, exceto em áreas industrias fortemente poluídas ou na maioria das áreas litorâneas. Nestas a escolha preferencial deve ser o aço 316.

Outros fatores importantes na escolha do tipo de aço são:

Acabamento superficial

Projeto

Técnica construtiva

Facilidade de limpeza e manutenção

Propriedades físicas e mecânicas do aço inoxidável.

- Como regra geral, quanto mais fino o acabamento, maior a resistência à corrosão.
- No projeto devem ser evitadas frestas, que facilitam o processo de corrosão.
- Técnicas construtivas que evitem frestas devem ser consideradas.
- Rebites de alumínio devem ser evitados na fixação de painéis de aço inoxidável, pois poderá ocorrer corrosão galvânica.

- A limpeza periódica é recomendável para o aço inoxidável, como para a maioria dos materiais empregados no exterior de edifícios.

- As propriedades mecânicas dos tipos mais comumente utilizados 304 e 316 não devem em geral ser causa de preocupação. A expansão térmica entretanto destes materiais, é um terço da maioria dos outros tipos de aços.

Seleção do Aço Inoxidável Para Uso na Arquitetura

A escolha do tipo de aço inoxidável mais adequado para um projeto arquitetônico deve considerar itens como os poluentes atmosféricos potencialmente corrosivos, ventos marinhos, temperatura, umidade e regime de chuvas.

A poluição localizada e a direção dos ventos predominantes podem resultar em diferenças de potencial de corrosão em locais separados por apenas alguns quilômetros.

Para efeito de seleção de materiais, os ambientes podem ser classificados como: rural, urbano, industrial e litorâneo.

Esta classificação refere-se ao ambiente de forma geral e não leva em consideração condições localizadas, como a proximidade de uma fonte poderosa de poluição.

Fonte: http://www.metalica.com.br/aco-inox-na-arquitetura

CONCURSO INOVINOX


INOVINOX é uma ação do Núcleo Inox voltada para atingir os seus objetivos básicos de promover, incentivar e proteger a utilização e o emprego dos diversos tipos de aços inoxidáveis, nas áreas de aplicação já conhecidas, bem como em novos segmentos de consumo.

O CONCURSO INOVINOX está direcionado para a inovação nas áreas de design de produto e arquitetura. O projeto deverá se beneficiar das propriedades técnicas e características estéticas do aço inox (qualquer uma de suas ligas), isoladamente ou com outros materiais.

Este concurso é direcionado para todos estudantes brasileiros de design (e suas diversas sub-áreas), arquitetura e urbanismo que estejam matriculados em cursos de nível superior, no período da inscrição: 15 de agosto a 15 de outubro de 2010. Serão permitidas inscrições individuais ou coletivas de no máximo 4 participantes, sendo um dos integrantes eleito como líder e responsável (todos membros do grupo devem cumprir as exigências citadas anteriormente). Os inscritos poderão participar com até 2 projetos, porém cada trabalho deverá ser uma criação original e objeto de uma inscrição específica.


sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Guia de obras de Oscar Niemeyer – Brasília 50 anos

[Arquitetura] Guia de obras de Oscar Niemeyer – Brasília 50 anos

Posted: 12 Aug 2010 09:52 AM PDT

guia niemeyer1 [Arquitetura] Guia de obras de Oscar Niemeyer   Brasília 50 anos

A obra de Oscar Niemeyer em Brasília já nasceu acervo, feito fruto de talento genial. É histórica, porquanto marco monumental de uma era grandiosa. Original, posto que eivada de brasilidade. Tão bela quanto singela. Impressionante na leveza. Inesgotável na fecundidade criativa. Sublime no traço. Envolvente na curva. Generosa na infinitude do espaço. Visível na luminosidade de tantos horizontes. Incompleta porque genuinamente humana. Tem tudo para ser admirada. Visitála é privilégio. Conhecê-la é emoção indizível. Neste guia o IAB-DF reúne os elementos informativos que explicam o significado e a coerência da produção arquitetônica singular do grande mestre. Solte o coração, liberte a alma para viver a experiência do belo na incomparável expressão estética do concreto e na concretude da obra-prima tombada como patrimônio da humanidade.

Igor Soares Campos

Presidente IAB/DF – Gestão 2008/2009

Guia de obras de Oscar Niemeyer – Brasília 50 anos

Formato: pdf | Câmara dos Deputados

DOWNLOAD

from Blog E-books Grátis - Tudo sobre literatura, download de livros grátis, revistas, quadrinhos e muito mais!

link site

Auto CAD

Loading...

Barra de vídeo - sketchup

Loading...

ping

Pingar o BlogBlogs

Este blog apoia a campanha:

desenho - procedimentos para construção

Informativo

Temas principais neste blog: arquitetura, desenho, projeto, tecnologia, construção, história, arte, estudo, pesquisa, curiosidades, sustentabilidade, e-books, links, universidade, faculdade, dicas para estudantes de arquitetura ...


Ajude a compor este espaço... Vamos manter informações importantes para o nosso crescimento profissional e acadêmico.

IMPORTANTE:
Todos os links e arquivos que se encontram no site, estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontra.