terça-feira, 4 de maio de 2010

ExpoXangai 2010

.

ExpoXangai 2010


Exposição que abriu em 1° de maio reúne 190 países e mais de 50 organizações internacionais. Arquitetos e designers entraram na disputa pelo pavilhão mais chamativo


Victor Martinez

As portas da World Expo 2010 em Xangai foram abertas para o público no último sábado, 1° de maio. Com o tema Melhor Cidade, Melhor Vida, o evento reúne 190 países e mais de 50 organizações internacionais, divididos em cinco zonas da exposição dentro do distrito de Pudong. A previsão é que 70 milhões de pessoas visitem o evento até seu término, dia 31 de outubro.

Levantando uma preocupação internacional sobre desenvolvimento urbano sustentável, a Expo 2010 conta com mais de 100 pavilhões, cujas próprias estruturas arquitetônicas circulam sobre o tema. O Brasil finalmente terá um pavilhão próprio - a última vez foi em 1970, quando Paulo Mendes da Rocha projetou o pavilhão em Osaka. Durante 40 anos, dividimos pavilhões-padrão com outros países, como na última Expo, em Zaragoza, ou até mesmo quando se fez um concurso: em 1992, apesar de ter havido um concurso com projeto de Alvaro Puntoni, Angelo Bucci e José Oswaldo Vilela, decidiu-se não construir um pavilhão e dividir um com outros países.

O pavilhão do Brasil, desenvolvido pelo escritório Fernando Brandão, possui uma fachada produzida com pedaços sobrepostos de madeira reciclada e pintada de verde, apoiados em uma estrutura metálica. Brandão foi vencedor do concurso criado pela AsBEA (Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura) em parceria com a APEX (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) - em um concurso fechado aos associados AsBEA, em que os interessados tiveram de apresentar um projeto de ideias em dez dias.

Divulgação: Fernando Brandão

Brandão criou a marca de um "Brasil de braços abertos", como o arquiteto explica, com dois parênteses invertidos, instalado na frente do Pavilhão. A ideia de pulsação, por sua vez, está em toda fachada com os pequenos pedaços de madeira que parecem estar vibrando. Fã dos irmãos Campana, Brandão explica que tentou se apropriar da linguagem da dupla de designers para a criação dessa fachada.

Localizado na zona C da Expo, o projeto foi desenvolvido em um pavilhão de 1500m², que os organizadores da exposição alugam aos países que optam em não construir uma edificação própria. Com um mezanino apenas para os comissários e imprensa, o pavilhão possui um pavimento de 900 m² de área útil, dividido em seções que trazem vídeos interativos da produtora O2 sobre as torcidas de futebol, os cotidianos dos trabalhadores, as festas comemorativas, a diversidade racial, o turismo e a sustentabilidade.

Leia mais

link site

Auto CAD

Loading...

Barra de vídeo - sketchup

Loading...

ping

Pingar o BlogBlogs

Este blog apoia a campanha:

desenho - procedimentos para construção

Informativo

Temas principais neste blog: arquitetura, desenho, projeto, tecnologia, construção, história, arte, estudo, pesquisa, curiosidades, sustentabilidade, e-books, links, universidade, faculdade, dicas para estudantes de arquitetura ...


Ajude a compor este espaço... Vamos manter informações importantes para o nosso crescimento profissional e acadêmico.

IMPORTANTE:
Todos os links e arquivos que se encontram no site, estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontra.